São Paulo, junho de 2010 – A médica psicanalista Lêda Rezende, membro da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores, irá lançar seu terceiro livro, intitulado Vitral – Compondo a Vida (Clube de Autores, 326p. R$ 55,96), no dia 12/06, às 15 horas, no estande da AGBOOK, durante a 10ª. Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto.

A obra, baseada em fatos reais, narra a história de duas mulheres – uma do primeiro mundo e outra do terceiro mundo – aparentemente tão diferentes. “Uma delas é culta, habita uma ótima casa; a outra é simples e vive em um lugar que, pela infraestrutura, não poderia ser chamado de bairro”, antecipa Lêda.

“…uma buscava uma adequação para o trabalho. A outra buscava um trabalho para uma adequação. E seguimos nossas vidas tão de perto. Mesmo com ópticas tão diferentes…”
A solidão (“…o vitral faria parte dos dias e das noites – para sempre. Mas não encontraria de fato – nunca mais aquele olhar. Voltou de corpo inteiro e solidão inteira.Fechou a porta. Virou em direção ao indicado. Com as mãos apertadas uma contra a outra. Ou vai ver – uma a favor da outra…”) no entanto, impulsiona as mudanças necessárias para que os caminhos dessas mulheres se cruzem, tornando-os quase iguais.

Esses elementos fazem de Vitral, lançado pelo Clube de Autores, um livro com linguagem moderna e narração acelerada, como se contasse os segundos da vida (“…percebeu o quanto ficara calada nos últimos dias. Ou melhor – nos primeiros dias. A partir daquele momento sim. Transformaram-se nos últimos os primeiros dias.”), sem a preocupação de traçar um ensaio sobre a existência humana e suas variáveis.

No prefácio da obra, Ângela Baptista, psicóloga, psicanalista e autora de diversos artigos em revistas especializadas, observa que a escritura de Lêda Rezende surpreende: “tessitura envolvente entremeando os fios das palavras, aos modos de um processo analítico, onde os sentidos se desvelam em suas multiplicidades, fazendo-se novos a cada relato”.

Vitral é, enfim, uma obra sobre universo feminino, coragem, caminhos, escolhas, encontros e transformações. “Provamos, ao longo das páginas, que na mudança o que menos importa é a geografia. Ela é interna e depende dos nossos movimentos, ações e determinações cotidianas. Afinal, é nos pequenos detalhes que traçamos e conseguimos cumprir nossos objetivos”, finaliza Lêda Rezende.

Sobre Lêda Rezende:
Psicanalista, Lêda Rezende nasceu em Salvador (BA) e reside em São Paulo há 12 anos. É membro da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores e já lançou dois livros (Atalho – Crônicas do Dia Seguinte e O Ato e o Todo), apresentados no Brasil, Espanha e Portugal. Assina os blogs http://blogs.abril.com.br/leda e http://ledarezende.blogs.sapo.pt

Blog Widget by LinkWithin

Deixe uma resposta

Twitter Users
Enter your personal information in the form or sign in with your Twitter account by clicking the button below.